Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Buriti Alegre -

Indecisos devem decidir quem será o próximo prefeito de Buriti Alegre

Faltando pouco mais de 30 dias para as eleições municipais de 2020 o cenário em Buriti Alegre mostra que os eleitores indecisos devem decidir quem governará a cidade pelos próximos 4 anos. Assim como na pesquisa anterior, o número de eleitores que demonstram indecisão é alto e deve ser o centro das atenções dos 5 postulantes a prefeito neste pleito.

A segunda rodada de pesquisa feita pela Global Consulting traz o atual prefeito André Chaves (MDB) na liderança com 30,7% das intenções de votos, seguido pelo ex-prefeito João Alfredo (PP) com 22,7% num empate técnico com o vereador Félix Alves (PRTB) com 20,3% das intenções de votos. Garibaldo Neto (PSC) com 2,3% das intenções de votos dos entrevistados, enquanto que 22,3% dos entrevistados disseram que não sabem ou não responderam e 1,7% disse não votar em ninguém. O candidato Assis Maia (Patriotas) não foi lembrado, isto no cenário espontâneo.

Já no cenário estimulado os números mudam um pouco, mas não a ordem da classificação e fica mantido o empate técnico entre o ex-prefeito João Alfredo e o vereador Félix Alves. Neste cenário onde é apresentado ao eleitor entrevistado o disco com os nomes dos candidatos, André Chaves chega aos 34,2% da intenção de votos, João Alfredo alcançou 25,3 da intenção de votos, Félix Alves 24,4 da intenção de votos dos entrevistados, Garibaldo recebeu 3,3% da intenção de votos e Assis Maia não recebeu nenhuma intenção de voto. 11,5% dos entrevistados disseram não saber ou não responderam e 1,3% dos entrevistados disseram que vão votar em branco ou nulo.

Assis Maia foi o mais rejeitado para prefeito

O caçula na disputa eleitoral buritialegrense Assis Maia, do Patriotas, que não recebeu nenhuma intenção de voto foi rejeitado por 22,7% sendo o mais rejeitado de todos os candidatos, seguido pelo prefeito André Chaves que foi rejeitado por 16,7%. O ex-prefeito João Alfredo e Félix Alves foram rejeitados por 12% dos entrevistados cada e Garibaldo Neto foi rejeitado por 7,3% dos eleitores entrevistados. 22,3% disseram não rejeitar ninguém, enquanto que 4,3 não sabem ou não responderam e 2,7% disseram rejeitar todos.

METODOLOGIA: Universo: Eleitores de Buriti Alegre-GO; Amostra: 300 eleitores; Margem de erro: 5% pontos percentuais para mais ou para Menos; Intervalo de confiança: 95%; Coleta de dados: 06/10/2020; Realização: Global Consulting; Pagante: O próprio instituto; Distribuição espacial Bairros: Centro, Morada dos Buritis, Aeroporto, Ana Rita, Maciel, J. Carrilho, Caladia, Vila Planalto, São Francisco, Sol Nascente e Serra Dourada. Margem de erro de 5,5% para um intervalo e confiança de 95% Registro no TSE: GO-02395/2020.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior