Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Miguel Patrício -

PARA TUDO!

De tempos em tempos, surgem expressões populares que se embrenham em nossa linguagem e passam a fazer parte da maioria dos discursos em quase todos os setores da sociedade. Surgidas no rádio, na TV, no meio do povo, algumas têm vida curta; outras seguem o tempo e se perpetuam. A expressão do momento parece ser “Para tudo”, usada sempre que o tema seguinte merece toda atenção; sempre que surge algo diferente, digno de reflexão e que sobrepõe o que acontece no presente.

Então, para tudo! As novas eleições estão chegando e, com elas, a hora de mudar o quadro atual que se estende ao longo dos anos. Agora é o momento de saber direitinho quem realmente é ficha suja e não merece o voto e, principalmente, o momento de encontrar no meio dessa sujeira toda, aqueles que merecem confiança. Com certeza existem e devem ser achados. Ninguém pode ser enganado novamente por palavras ou se deixar levar pelo comodismo. Hoje não há mais falta de informação e só vai errar quem realmente quiser.

Para tudo! Mais uma vez a Seleção Brasileira de Futebol não conseguiu vencer a Copa do Mundo, exatamente no ano mais fácil, com as grandes seleções sendo eliminadas no início ou nem se classificando para o torneio. É preciso repensar o destino do nosso futebol. Os melhores jogadores atuam fora perdendo sua identidade com o País e os jovens são levados precocemente pelos grandes clubes europeus. Assim fica inviável a formação de craques dentro e fora de campo, como Pelé, Garrincha, Zico e vários outros. Aliás, nesses quesitos, Neymar foi um fiasco e não passou de promessa.

Para tudo! A luta pelas conquistas em âmbito nacional deve continuar. Os caminhoneiros mostraram o caminho para a busca de novas conquistas. Para tudo! Faz-se necessária a reflexão acerca das administrações dos nossos dirigentes, que há muito deixaram de ser voltadas para o bem da comunidade. Para tudo! É urgente saber em que direção caminha a humanidade, perdida entre a corrupção, o egoísmo e a violência, explícitos nos noticiários de TV e à nossa volta, mesmo por aqui em centros menores. Para tudo! Estão acabando com as nascentes, as matas, os animais; estão acabando com o único planeta habitável que temos.

Só se vê pessoas enriquecendo ilicitamente, esquecendo-se dos semelhantes com inúmeras dificuldades de sobrevivência; só se vê crimes hediondos por tudo e por nada, confrontando-se com o amor, a fé a esperança. É mister o ser humano ser mais humano, combater as raízes do mal, saber o que falta, o que passa, o que deve ser feito. Para tudo! A vida está em jogo.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior