Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Regional -

Goiás é destaque no controle ao Aedes nos municípios

Goiás foi destaque na reunião da Comissão Intergestores Tripartite (CIT) por ser o único Estado em que todos os municípios dispõem de salas de coordenação e controle do Aedes aegypti e do vírus zika. A reunião foi realizada em Brasília, na última segunda-feira, dia 23, e contou com representantes do Ministério da Saúde e das secretarias estaduais de Saúde.

As 246 salas de coordenação municipais fazem parte da logística da força tarefa Goiás contra o Aedes,lançada em dezembro de 2015. Estes núcleos, compostos por homens do Corpo de Bombeiros e funcionários das secretarias Estadual e Municipais de Saúde, fazem todo o trabalho de monitoramento das visitas domiciliares e eliminação de focos do mosquito no município. Os dados são enviados para a Sala de Coordenação Estadual, responsável pela consolidação dos dados.

O coronel Múcio Ferreira dos Santos, representante do Corpo de Bombeiros na força tarefa Goiás contra o Aedes, explica que os dados são monitorados em tempo real, tanto na esfera municipal quanto na estadual, Depois de consolidados são enviados à sala nacional.

Coronel Múcio também destaca o trabalho da Sala Interfederativa Goiás-Distrito Federal, por permitir um trabalho conjunto entre os governos goiano e brasiliense no combate ao Aedes no Entorno do Distrito Federal. Técnicos goianos e brasilienses compõem esta sala e se dedicam ao monitoramento das ações específicas para o Entorno. Segundo o coronel, a união permitiu a queda nos índices de infestação do Aedes nos municípios em volta do DF.

Resultados

Por meio do esforço do Goiás contra o Aedes, a Secretaria da Saúde, junto com os municípios, conseguiu, em 2016, em relação ao mesmo período do ano passado, reduzir em mais de 18% o número de casos de dengue, em Goiás, – enquanto o vizinho Distrito Federal registrou aumento em mais de 100% do número de casos dessa doença.

De outro lado, cem mil focos do mosquito Aedes Aegypti foram eliminados, 10 milhões de visitas domiciliares foram realizadas, 100 milhões de vetores impedidos de nascer, proporcionando a diminuição de 95% dos focos do mosquito em Goiás e a maior redução dos casos de dengue, dos últimos quatro anos.

Trinta municípios conseguiram o êxito de 0% de infestação, ou seja, neles não foram encontrados focos doAedes. Os municípios que conseguiram eliminar todos os focos também receberam incentivos financeiros, totalizando R$ 319.052,85. Os outros 216 municípios goianos receberam o certificado Menos de 1% Aedes, pela redução da infestação, em seus territórios, a patamares aceitos pelo Ministério da Saúde.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior