Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Espaço do Leitor -

A ARTE DE FAZER SORRIR

Fazer sorrir é uma arte. Poucas são as pessoas que têm esse dom, esse talento. Em Goiatuba, os Doutores da Alegria fazem um valioso trabalho junto àqueles que necessitam de um apoio, de uma palavra amiga, de um motivo para que a alegria volte novamente a fazer parte de sua vida. Quando a saúde já não é mais a mesma e precisa de cuidados, quando a idade é avançada e o corpo começa a reclamar, quando é preciso passar uns dias de repouso sobre a cama, quando a depressão faz a vida parecer sem sentido, quando o paciente já está impaciente, surgem os doutores Cibalena, AAS Infantil, Biotônico Fontoura, Viagra e Dipirona para trazer de volta os sorrisos fujões. Em instantes a felicidade brilha nos olhares vazios e sem esperança. Não há doença que persista; não há tristeza que resista.

Nos hospitais, nas casas de idosos, nas clínicas de fisioterapia, onde há pessoas acamadas, eles chegam e o desânimo vai embora. Vestidos de palhaços, da cabeça aos pés, fazem exames da dobradiça, cera no ouvido, trinta e três, miolo mole e vários outros. Em seu receituário dos segundos socorros, eles sugerem tomar uma injeção de ânimo, fazer uma compressa sem pressa, passar uma pomada e uma mala de roupas e jogar a bula e ler a bola. Além disso, os divertidos médicos passam literalmente a receita, aplicam injeções com agulhas de borracha, sorriem, cantam, dançam, distribuem palavras de fé e otimismo, arrancam gargalhadas, fazem nascer de novo a alegria nas faces marcadas pelas rugas, nos rostos cansados pela espera.

Os Doutores da Alegria são integrantes do Projeto Alegrar da Casa de Apoio Elvira Netto. Compõem o grupo a professora Sônia, a pedagoga Larissa, o professor de violão Alexan e os estudantes Diogo, Carlos e Mábia. Exatamente nos lugares onde a felicidade se esquece de passar, principalmente nos momentos difíceis de solidão, aparecem de repente, nem ninguém saber de onde os médicos especialistas em bom humor receitando saúde e muita alegria três vezes ao dia, de manhã, à tarde e à noite. Afinal, todo lugar é lugar de sorrir.

E como se sabe, ninguém transmite aquilo que não sente; para se oferecer algo é preciso antes de tudo possuí-lo. Assim, os Doutores da Alegria repartem o que eles mais possuem: a graça que Deus lhes deu e o desejo que trazem no coração de fazer alguém feliz. É um trabalho belo e simples. Vou já marcar minha consulta.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior