Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Pontalina -

Preso suspeito de crime chocante

Policiais Civis de Pontalina e Morrinhos prenderam na quarta-feira (24), Fábio Júnior Rodrigues Vieira, de 29 anos, no cumprimento de mandado de prisão preventiva por crime de homicídio qualificado e tentativa de homicídio.

De acordo com a Polícia Civil de Pontalina, no dia 17 de fevereiro, Fábio Júnior teria ficado transtornado na fazenda onde mora com a família, situada na zona rural de Pontalina. O motivo de sua fúria foi a decisão de seus familiares de mudarem um gado de pasto. Quando chegou na fazenda e deparou-se com a mudança, o suspeito foi até uma das residências, pegou uma espingarda e saiu efetuando disparos contra os que ali estavam.

Fábio Júnior matou sua esposa, Lirian Gonçalves da Cunha, 33 anos, a qual morreu de joelhos implorando pela vida. Após matar a esposa, Fábio Júnior disparou duas vezes contra sua avó, 80 anos de idade, porém, não a matou porque nas duas vezes a arma falhou. Na sequência desses fatos ele também tentou matar um amigo que havia levado para a fazenda, mas o disparo não o atingiu.

Após esses crimes, Fábio Júnior se embrenhou na mata, vez que a região é bastante acidentada, levando consigo a espingarda e um facão, causando grande medo e tirando a paz dos fazendeiros da região, vez que ele estava em local incerto.

Diante desses fatos, a Polícia Civil representou junto ao Poder Judiciário pela representação da prisão preventiva de Fábio Júnior Rodrigues Vieira, a qual foi decretada prontamente.

Fábio Júnior foi preso quarta-feira e recolhido na Agência Prisional de Pontalina e responderá a crime previsto no Artigo 121, §2º, II, do Código Penal Brasileiro (homicídio qualificado por motivo fútil), e Artigo 121, c/c Artigo 14, II, do Código Penal Brasileiro (homicídio tentado por duas vezes). O crime de homicídio qualificado prevê pena de reclusão de doze a trinta anos de prisão.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior