Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Itumbiara -

Assaltantes de veículos são presos em em Minas e Goiás.

Após investigação de sete meses realizada pela equipe do GEPATRI de Itumbiara, na madrugada de hoje foi deflagrada operação para cumprimento de mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão, que resultou na prisão de quatro indivíduos integrantes de associação criminosa especializada em roubo de veículos.

A operação policial foi coordenada pelos Delegados Lucas Finholdt (titular do Gepatri) e Ricardo Chueire (Regional de Itumbiara) e contou com a inestimável participação de policiais civis do Genarc, 1 DP, 2 DP, Panamá e Goiatuba,  além do Gepatri e da Polícia Civil de Minas Gerais.

Os investigados são suspeitos de praticarem pelo menos quatro roubos de veículos e associação criminosa. Alguns dos investigados respondem inquérito policial por homicídio qualificado em desfavor de outro membro da associação criminosa, ocorrido em Itumbiara. Os mandados foram cumpridos em Itumbiara, Panamá e Centralina-MG. Pequenas porções de drogas e uma munição também foram encontradas nas buscas.

Foram cumpridas prisões preventivas dos seguintes investigados: Gregory Almeida Dias (23 anos), Diego Batista Cintra (21 anos), Milton Felisbino Correia (42 anos) e Jefferson Luciano Gomes Costa (19 anos).

Os quatro investigados foram capturados e encaminhados até a sede do Gepatri (Grupo Especial de Repressão a Crimes Patrimoniais) para interrogatório policial. Após o cumprimento dos mandados de prisão preventiva contra os investigados, todos aguardarão julgamento pelo Poder Judiciário recolhidos em Presídio. Na hipótese de condenação pelo crime de roubo qualificado pelo emprego de arma e concurso de pessoas, a pena pode chegar a 15 (quinze) anos de reclusão, para cada crime. A pena de associação criminosa armada é de até 06 (seis anos) de reclusão.

Permanece foragido um dos integrantes da associação criminosa, qualificado como sendo Dhieferson Conde Tosta (24 anos de idade), suspeito de prática de roubos armados.

Caso mais alguma vítima ou testemunha reconheça um dos investigados, ou saiba o paradeiro de Dhieferson, a Polícia Civil pede que faça contato com o Gepatri (64) 3431-7282, Rua Bercholina esquina com Alecrim, Setor Novo Horizonte, em Itumbara.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior