Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Goiatuba -

Secretaria de Meio Ambiente é descentralizada

O Conselho Estadual de Meio Ambiente (CEMA) aprovou o Projeto de descentralização da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Goiatuba (SEMMA), o que vai permitir um avanço significativo para empresas e pessoas físicas que precisam de licenças ambientais, outorgas para uso de recursos minerais, exploração de água, construção de represas, implantação de pivôs centrais, entre outras atividades econômicas que provoquem impactos ambientais.

A descentralização irá facilitar a vida de empresas e pessoas que antes precisavam se deslocar até Goiânia e enfrentar a fila de espera na Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, antiga SEMARH, hoje SECIMA, para conseguir alvarás de funcionamento de seus empreendimentos.

Segundo o prefeito Fernando Vasconcelos, “além da fila de espera que o goiatubense não precisará mais enfrentar para requerer suas licenças ambientais, os recursos antes enviados para Goiânia como forma de pagamento dos alvarás agora também ficarão no município, compondo o caixa da Secretaria Municipal de Meio Ambiente para que ela crie e custeie sua estrutura técnica e de fiscalização”, ressaltou.

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente já está sendo organizada com sua nova estrutura administrativa para atender toda comunidade.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior