Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Goiatuba -

Projeto Vida

Nilton Viturino
Realizado no último sábado (15), o primeiro quadrangular envolvendo equipes de projetos sociais que trabalham voluntariamente com iniciação esportiva com garotos em regiões vulneráveis da cidade. Comandados por Cilton Dias (Recreio dos Bandeirantes), Tuler Marques e Alessandro Rosa (Lelé) e Sousa, com o Projeto “Bola pra Frente” (Parque das Primaveras, Maranata, Novo Horizonte, Morada Nova e Bananeiras), desenvolvidos em “campos” e quadras já apresentam ótimos resultados.

Com a presença de diversas autoridades ligadas ao serviço social e que trabalham com crianças e adolescentes, como a senhora Maria Divina (Amor Exigente), Áurea Leiko Moriguchi Mori (Conselho Municipal da Criança e do Adolescente), Sargento PM Gislene (Proerd – PM), agentes de proteção à criança e adolescente, além de representantes da Assistência Social e da primeira-dama Andréia de Moraes, Chefe de Gabinete Moacyr Gomes Ferreira e o vereador Antonially do Sindicato (PROS).

O quadrangular foi realizado no Estádio Divino Garcia Rosa com as categorias infanto-juvenil e mirim com jogos alternados e ao final a Escolinha Professor Cilton Dias venceu em ambas as categorias, premiando como campeã as equipes com mais tempo de treinamento.

O Projeto “Bola pra Frente”, comandado por Sousa, vice-campeão, fez bonito, vencendo o Projeto “Pingo de Amor” e também o “Projeto Crescer”. Na final, sem um entrosamento condizente, foram vencidos pela Escolinha Cilton Dias. Duas expulsões (Projeto “Bola pra Frente”) e um gol impedido foi o que aconteceu na final.

Na categoria Mirim, novamente a equipe de Cilton Dias sagrou-se campeã, vencendo a Escola Projeto Crescer, do professor Alessandro Lelé. As quatro equipes receberam troféus de campeã e vice, além de medalhas pela participação. Foi uma grande festa envolvendo mais de 100 atletas que ficaram muito felizes com o evento.

O objetivo principal dos eventos é a prevenção contra as drogas, prostituição infantil e a formação de cidadãos de bem. Sendo que o trabalho inclui boas notas na escola, respeito e obediência aos pais, educação com as demais pessoas e participação efetiva nos treinamentos e jogos.

Bastidores do Esporte / Por Nilton Viturino

Parceiros – Grandes empresários já manifestaram interesse em participar dos projetos, além da primeira-dama Andréia de Moraes que ficou entusiasmada com o primeiro encontro no Divinão.

Estrutura – A participação de mais de 100 garotos no Divinão deixou evidenciado que o poder público precisa investir em complexos esportivos, principalmente nas periferias. Com 3 campos gramados (Divinão, Traíra e Cemel), já não suportam a demanda futebolística.

Risco – A sujeira nas arquibancadas do Divinão provocada pelos excrementos de pombos coloca em risco a saúde de pais e atletas que sujaram suas roupas e respiraram o ar poluído pela poeira produzida pela movimentação sobre os excrementos dessas aves.

Cadê – O Módulo Esportivo? O que fizeram com ele? Será reativado ou virou polo empresarial? Tiraram uma parte em cima e outra nos fundos. O que sobrou não deve dar um campo society. Se alguém souber a resposta me conte?
Cidadania – Outro projeto que merece o maior respeito é o desenvolvido pelo empresário Paulo Afonso (Projeto PA), na Rua Xingu, com cursos de informática, inglês, reforço escolar, entre outros, além de uma boa biblioteca que atende crianças de baia renda, tudo com recursos próprios. Parabéns!

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior