Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Goiatuba -

Prefeito garante que servidores terão plano

O secretário municipal de Educação, Prof. Marcos Pereira Vieira (foto), informou a nossa reportagem, que na terça-feira (14), se reuniu com o prefeito Fernando Vasconcelos (PMDB), onde trataram da mobilização dos servidores administrativos da Educação. Segundo o secretário, a administração municipal acatou com naturalidade a decisão dos servidores que foram orientados pelo SINTEGO e compreende a legitimidade deles em reivindicar melhorias para a categoria.

Prof. Marcos ressaltou que a administração está tomando todas as providências para atender não só os anseios de uma das categorias do serviço público, mas a todos que também esperam ser resguardados pela administração. Ele revelou que em relação aos salários, o prefeito Fernando Vasconcelos já se reuniu com o Ministério Público e apresentou um planejamento para regularizar a situação.

Conforme revelou o gestor da educação municipal, o plano de cargos e salários dos servidores administrativos da Educação é um dos compromissos do prefeito Fernando Vasconcelos, assu-midos com a categoria, quando candidato e que será resgatado dentro de sua gestão, “o prefeito assumiu o compromisso com os servidores e não está medindo esforços para resgata-lo”, conta.

Ele conta que o prefeito já havia determinado à Procuradoria Geral do Município e a própria SEMEC que juntamente com a contabilidade, realizassem um estudo sobre o impacto da criação do plano de cargos e salários na folha de pagamento, o que já está sendo feito, “posso afirmar que a administração municipal e SEMEC não estão parados, inertes, nos reunimos direto com o SINTEGO”, comenta.

Prof. Marcos conta que estão sendo tomadas uma série de medidas para normalização dos vencimentos dos servidores. “Independente-mente da mobilização dos servidores, é interesse do prefeito Fernando Vasconcelos a valorização dos servidores e a criação do plano de cargos e salários, no entanto, isso é algo complexo e não se resolve no estalar de dedos. Os próprios servidores já revelaram que estão reivindicando esses benefícios há mais de 10 anos, ou seja, 9 anos sem sucesso, porque nosso prefeito é o primeiro a tomar a iniciativa para criar o plano da categoria, aliás, que será criado assim que todos os estudos estiverem concluídos”, argumenta.

Para o Prof. Marcos, o plano só não foi assinado devido a sua complexidade, “apenas pedimos a compreensão dos servidores porque não é algo que basta o prefeito querer assinar, todos podem ter certeza, assim como o prefeito Fernando Vasconcelos, também estou aqui para contribuir, trabalhar para que os direitos dos servidores sejam garantidos e que tenham avanços, caso contrário não estaria na Secretaria”, concluiu.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior