Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Goiatuba -

Prefeito envia à Câmara relatório de viagem à Europa

O prefeito Fernando Vasconcelos enviou à Câmara de Vereadores um amplo relatório detalhando passa a passo sua viagem com a missão do Governo de Goiás à Rússia, Belarus e Polônia, países do leste europeu, com os quais, o Estado tem estreitado relacionamento comercial e científico. Segundo Fernando, “como prefeito, a meta central nesta missão foi buscar a inserção de Goiatuba neste amplo mercado que tem grande carência pelos nossos produtos, em especial alimentos”, comentou.

No relatório, Fernando ressaltou que também procurou colocar o município em primeiro plano, como alternativa para a atração de investimentos que estão sendo planejados pelos países visitados. “Pessoalmente, reivindicamos junto as autoridades de Goiás e de Belarus a instalação em Goiatuba de uma unidade industrial da MTZ-Belarus. Trata-se da maior fábrica de tratores do leste europeu, responsável por 6 a 8% da produção mundial. A empresa também produz colheitadeiras, tratores florestais e equipamentos agrícolas. Exporta para mais de 125 países. Emprega, sozinha, 22 mil trabalhadores”, informou o prefeito.

Fernando informa aos vereadores que participou de toda extensa agenda oficial do Governo de Goiás aos 3 países (Rússia, Belarus e Polônia) e que teve compromissos em quatro cidades (Moscou, São Petersburgo, Minsk e Varsóvia). Entre os encontros oficiais, participou em Moscou, de seminário sobre as possibilidades de negócios na sede da All Russia Public Organization (Business Rússia), onde foi recepcionado pela vice-presidente e chefe do Departamento de Assuntos Internacionais do organismo, Kagramanyan Nonna Sayadovna. Onde teve a oportunidade de apresentar vídeo institucional aos participantes com as potencialidades de Goiatuba, sendo muito aplaudida.

A missão goiana formalizou inúmeros acordos de negociações iniciadas pelo governador Marconi Perillo com a Rússia, entre eles, o acordo básico sobre cooperação científica e tecnológica com linha de crédito principal para a Saneago no valor de R$ 1 bilhão a serem disponibilizados a partir da análise de cada projeto. No curto prazo, serão liberados US$ 60 milhões destinados à implantação, em dois anos, do projeto piloto. Outro ato firmado viabiliza a instalação de uma indústria de montagem de tubulações, plásticos especiais e produtos inovadores de água e esgoto, com investimentos de US$ 10 milhões.

A missão visitou a unidade de produção da Kyrov Petersburg, unidade industrial de tratores e máquinas agrícolas. O local é carregado de histórias e célebre por ter sido o epicentro das revoluções na Rússia de 1905 e a de outubro de 1917. “Aqui foi construído o primeiro trilho da Rússia, o primeiro trem, o primeiro tanque de guerra, o primeiro trator”, disse George Pertenava, diretor comercial da empresa.

Em Belarus, Fernando visitou a indústria de fertilizantes Belaruskali, na cidade de Soligorski, com 100 mil habitantes e situada a 130 quilômetros da capital Minsk. O gigantesco complexo dedica-se à extração de potássio. A empresa exporta para mais de 60 países e detém 1/3 do mercado mundial. Brasil, China, Índia e sudeste asiático são os principais parceiros comerciais.

Já em Varsóvia, na Polônia, o prefeito integrou a equipe que participou de audiência com o ministro da Economia, Janusz Piechocinski, no primeiro evento da missão goiana àquele país. A meta é aumentar o fluxo dos investimentos, bem como o intercâmbio científico e cultural. O Governo de Goiás e a Câmara Nacional de Comércio (Polish Chamber of Commerce) formalizaram, durante o Fórum de Negócios Polônia-Brasil, acordo de cooperação que visa o desenvolvimento de negócios e colaboração internacional. Foram signatários do documento o vice-governador José Eliton, e o presidente do organismo, Andrzej Arendarski. O grupo participou de reunião em que o Governo de Goiás e a Agência Polonesa para o Desenvolvimento Empresarial (Parp) concordaram em firmar acordo de cooperação internacional para o apoio às atividades de micro, pequenas e médias empresas do Estado e da Polônia, bem como o estabelecimento de relações comerciais entre as partes. Estiveram no encontro a vice-presidente da entidade, Teresa Kubas-Hul, e o chefe de Gabinete da Presidência, Dariusz Wojtaszek, em Varsóvia.

Na avaliação do prefeito Fernando Vasconcelos, “para Goiatuba, os resultados são muito positivos ao sinalizar novos negócios e atração de investimentos que, certamente, vão colaborar de maneira positiva para o nosso crescimento econômico”, concluiu.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior