Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Goiatuba -

Ano começa com guerra ao Aedes

Em Goiatuba o ano começou como terminou, sem trégua ao mosquito Aedes aegypti, transmissor de doenças com grande impacto sobre a saúde humana e principalmente sobre a qualidade de vida das pessoas.

Na quarta-feira, 16, os setores Recreio dos Bandeirantes e Imperial receberam as equipes envolvidas na primeira mobilização de 2019 sob o comando da Secretaria Municipal de Saúde e todos os seus Núcleos em parceria com a Secretaria de Obras, Meio Ambiente, Educação e o Corpo de Bombeiros, cujo objetivo foi verdadeiramente caçar possíveis criadouros e pontos que possam servir para reprodução do mosquito, em especial orientar a população como evitar esta proliferação e o que fazer para manter seus imóveis limpos e livres do Aedes, incluindo a distribuição de panfleto com número de telefone para denunciar que descarta o lixo de maneira imprópria.

As equipes de Agentes Comunitários de Saúde e de Endemias estão visitando imóvel por imóvel dos setores e a equipe da Secretaria de Obras está o recolhendo todo o lixo retirado dos quintais.

Tecnologia – A novidade nas mobilizações deste ano é a utilização de recursos tecnológicos para monitorar imóveis cujo acesso não seja possível, com a utilização de Drone da Secretaria de Meio Ambiente.

Equipe de enfrentamento ao Aedes mantém guerra contra o mosquito

O uso de tecnologia está permitindo monitorar áreas desabitadas cujo o lixo serve como criadouro do mosquito

Vista aéra do setor Recreio dos Bandeirantes

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior