Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Goiânia -

Pesca e aquicultura ganhou destaque

Pesca e aquicultura ganhou destaque

A Gerência de Aquicultura e Pesca da Seagro e parceiros, como Semarh, Emater, Ministério da Pesca e Aquicultura, entre outros, colocou em prática este ano o Programa de Apoio ao Desenvolvimento da Piscicultura, que capacitou quase duas mil pessoas em 22 municípios. Também foram realizados 10 seminários regionais de aquicultura no Estado de Goiás com tema Águas que Trazem Bons Negócios, que proporcionaram aos futuros empreendedores uma noção real de como é a atividade da aquicultura e pesca em Goiás. Cerca de 700 pessoas participaram dos seminários. Em março foram lançados os parques aquícolas de Cana Brava e Serra da Mesa. Também foi realizada a implementação do banco de dados da cadeia aquícola goiana para dar suporte às atividades de planejamento do setor e implantação do Centro de Piscicultura de Luís Alves do Araguaia, com percentual de implantação de 21% até o momento.
Segurança alimentar e nutricional - Em 2013, foram capacitadas 971 pessoas pelo curso Técnico Capacitado em Operacionalização e Gestão de Segurança Alimentar e Nutricional. Pessoas de famílias de baixa renda assistidas pelas ações do Programa de Segurança Alimentar somaram mais de 152 mil nos municípios de Goiânia, Santa Helena, Rio Verde, Piracanjuba, Niquelândia, Pirenópolis, Uruaçu, Anápolis, Jussara, Heitoraí e distritos.
FCO - O Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste Rural (FCO Rural) analisou até o mês de setembro 1.197 cartas com R$ 671 milhões destinados a Goiás e saldo de 2.093 empregos gerados. Em fevereiro, 139 cartas foram aprovadas, com recursos liberados de R$ 83 milhões. Abril teve saldo expressivo, com 231 cartas e R$ 149 milhões. No mês de agosto, 219 cartas foram aprovadas no valor de R$ 115 milhões, e, no mês seguinte, foram 171 cartas e R$ 127 milhões que geraram 309 empregos.

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior