Goiás Interior - A notícia como ela é !
×
Buriti Alegre -

Preconceito x prevenção

De acordo com o presidente da Sociedade Brasileira de Urologia (sec-cional Goiás), Vagner Ruiz (foto), o maior desafio é com-bater o preconceito arraigado no pensamento masculino. “Não existe sexo forte nem sexo frágil. Ambos estão propensos a determinadas doenças e o diagnóstico precoce pode interferir nos resultados do tratamento de uma série de patologias”, alerta.

Homens acima de 50 anos devem fazer o exame anualmente. Para os que integram os grupos de risco com familiares que desenvolveram a doença ou os negros que apresentam alta incidência – recomenda-se a prevenção um pouco mais cedo, a partir dos 45 anos. O câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens no País, só perde para o câncer de pele não-melanoma, e o sexto de maior ocorrência no mundo.

Próstata - A próstata é uma glândula que faz parte do sistema genital masculino e produz parte do sêmen. PSA é uma substância produzida na próstata e é expelida junto com o sêmen. Células cancerosas aumentam a produção de PSA, mas tumor benigno e infecção da próstata (prostatite) também podem elevar a contagem desta substância, porém somente o câncer causa o endurecimento do tecido da glândula. Por isso o exame de toque não pode ser substituído.

Novembro Azul conscientiza sobre câncer de próstata

Um em cada seis homens terá câncer de próstata. O Instituto Nacional José de Alencar (Inca) estima que sejam diagnosticados 69 mil novos casos da doença até o fim de 2014 no Brasil – o que significa o surgimento de um novo caso a cada sete minutos. Diante desses dados alarmantes a campanha Novembro Azul, realizada pelo Instituto Lado a Lado pela Vida em parceria com a Sociedade Brasileira de Urologia, pretende conscientizar os homens sobre a importância da prevenção para o diagnóstico precoce deste tipo de neoplasia.

Na mesma proposta do Outubro Rosa, que coloriu de rosa as fachadas de alguns prédios para alertar as mulheres sobre a prevenção ao câncer de mama, quatro hospitais públicos aderiram à campanha e tiveram a fachada iluminada de azul: Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo), Hospital de Doenças Tropicais (HDT), Hospital de Urgências de Trindade (Hutrin) e Hospital de Urgências de Aparecida de Goiânia (Huapa).

Edições Anteriores
Acesse as edições anteriores do Goiás Interior